BRASIL, Sudeste, Mulher

 

    La Blogotheque
  O Estrangeiro
  Museu do Inconsciente


 

 
     

      Todas as mensagens
      Link


     

       


     
     
    Boudoir - on a day like today, no other words would do...



    Dans nos deux esprits... cê sabe. Do retorno da bulimia literária, ou mente picareta, "when you ask me how can i show you how?"

    Dentro do sonho, sempre o sonho, uma ideia.

    Melhor, lembrança. 

    Retorno, ênfase no eterno entorno. Pois entornou.

    Anos de um tratamento de silêncio quanto ao poder de uma vivissecção da vida.

    Tornei-me fria ao picar as retas.

    Colateral.

    Escolhi fender, criar na reta um caminho de espaços entre um contato de ligação e outro.

    O espaço para não saber se se segue ou se não.

    Eram olhos, nariz, boca.

    Sombracelhas principalmente.

    Fendi cada ideia de cada coisa. 

    Produzi um eu anarquico que, a despeito do que sentia, forçaria a interrupção do encontro.

    Olhos de sonolência.

    Nariz de arder perfume.

    Espuma pálida no canto da boca. 

    Grito contido, agudo.

    Silêncio.

    Tristeza.

    Ódio.

    Das sombracelhas, principalmente.



    Escrito por thais às 22h44
    [   ] [ envie esta mensagem ] [ ]





    [ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]